segunda-feira, 27 de junho de 2011

ATITUDES ÉTICAS - A ESCOLA E A ÉTICA !




“Aprender a ser cidadão é, entre outras coisas, aprender a agir com respeito, solidariedade, responsabilidade, justiça, não violência; aprender a usar o diálogo nas mais diferentes situações e comprometer-se com o que acontece na vida coletiva da comunidade e do país. Esses valores e essas atitudes precisam ser aprendidos e desenvolvidos pelos alunos e, portanto, podem e devem ser ensinados na escola.” *

Em geral, o cotidiano das escolas, principalmente nos grandes centros urbanos é bastante agitado e às vezes até tumultuado. São muitos alunos, muitos conteúdos, muita gente para lá e para cá. Nesse contexto, nem sempre é fácil ter clareza do porquê de todo esse trabalho, ou em outras palavras, nem sempre se tem clareza de qual é o papel da escola na sociedade em que vivemos hoje.
Os Parâmetros Curriculares Nacionais sinalizam que “...a educação escolar deve possibilitar que os alunos sejam capazes de:
·         compreender a cidadania como participação social e política, assim como exercício de direitos e deveres políticos, civis e sociais, adotando, no dia-a-dia, atitudes de solidariedade, cooperação e repúdio às injustiças, respeitando o outro e exigindo para si o mesmo respeito;
·         posicionar-se de maneira crítica, responsável e construtiva nas diferentes situações sociais, utilizando o diálogo como forma de mediar conflitos e de tomar decisões coletivas.” pg 1
Conceituar ou qualificar a conduta ética dos indivíduos de uma sociedade torna-se um desafio frente as mais variadas decisões a serem tomadas atualmente. A ética está em todo lugar...na escola, na vida familiar, na vida profissional...mas é que é ser ético?

Ser ético configura agir correta e honestamente em determinadas situações visando sempre o bem comum ao invés do individual. Quando trazemos essa discussão para a nossa realidade nos deparamos com pontos de vistas adversos a respeito do “Como agir”.
Aqui entra um contexto reflexvo interessante: Por que alguns países são extraordinariamente desenvolvidos e outros extremamente pobres, carentes, sem nenhuma perspectiva? Por que há uma diferença tão grande entre os países pobres e os ricos? Por que países que existem ou que surgiram na mesma época, mostram-se tão diferentes, uns com grandes riquezas e alto padrão de vida e outros, muito carentes e pobres? Vejam o exemplo de EUA e Brasil. Ambos descobertos na metade do segundo milênio,  ambos começando do nada, ambos com problemas bastante parecidos, mas que, quinhentos anos depois, chegaram a posições tão opostas. Por quê?
Como se explica, então, a diferença de riqueza e padrão de vida entre esses países?
A diferença á atitude ética é a vontade de superar-se dos povos, determinada ao longo dos anos, pela cultura, pela educação, pelo exemplo, que fazem toda a diferença.  Constata-se que a grande maioria segue os princípios mais básicos de vida civilizada, quais sejam, a ética, a integridade, a responsabilidade, o respeito às leis e regulamentos, o respeito ao direito dos demais cidadãos, o amor ao trabalho, o desejo de superação, a pontualidade e a aplicação severa da lei. Nos países do terceiro mundo, apenas  uma minoria segue esses princípios básicos, no dia a dia.
Não somos subdesenvolvidos por que nos falta recursos naturais ou por que a natureza ou Deus foi cruel conosco. Somos subdesenvolvidos porque nos falta desejo de superação, de ser melhor, de evoluir.
As atitudes éticas são as atitudes que fazem a diferença no mundo. São as atitudes que trazem paz, amor e alegria...são as atitudes que trazem progresso e um mundo melhor! São essas atitudes éticas que nos levam pra frente...e são as atitudes que todos devemos ter em nossas vidas.
E para você...o que é ser ético? O que é ter atitudes éticas? O que é usar a ética na escola? E no munícipio? O que é usar a ética no dia-a-dia?
Ética...uma palavra tão pequena, mas com um significado reflexivo muito grande!
Reflita !

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário